PLANTAS AQUÁTICAS

a98576_0901_lilyclose.jpg

a98576_0901_graduatefar.jpg

a98576_0901_ontable.jpg

a98576_0901_jars.jpg

a98576_0901_person.jpg

a98576_0901_tallvase.jpg

Link

Você não tem que ter uma lagoa do lírio para cultivar plantas aquáticas. Tudo que você precisa é de sol, um pouco de espaço ao ar livre, e um recipiente. Aqui estão algumas das nossas fontes favoritas para as plantas aquáticas por correspondência e contêineres.Link

Jardim Água

FOTOGRAFIA: NGOC MINH ONG



lírio-colorado-água-aquático-plantas-mld107740.jpg

lótus-aquáticos-plantas-mld107740.jpg

Pickerelweed-aquáticos-plantas-mld107740.jpg

Lembre-se: Nunca descartar plantas aquáticas em cursos de água naturais.

Mais Plantas Aquáticas

Anúncios

8 plantas de interior e seus benefícios

 

Filme, Chlorophytum
Film – Chlorophytum comosum 
Ela purifica o ar rapidamente. 
Elimina formaldeído ambiente.
 
Dracaena marginata
Dracaena – Dracaena marginata
Ela purifica o ar.
Atmosfera elimina formaldeído, benzeno, tolueno e xileno.
 
Gerbera
Gerbera – Gerbera jamesonii 
Lançamentos de oxigênio durante a noite resfriamento da atmosfera da sala.
Ela purifica o ar, removendo benzeno e tricloroetileno.
Benéfico tanto durante a noite e durante o dia.
 
Hera
Ivy – Hedera helix 
Remove benzeno e fornece a umidade do ar.
 
Feto
Fern comum – Nephrolepis exaltata 
Fornece a umidade do ar.
Note-se que o aquecimento pode secar a atmosfera em excesso e causa a morte da planta nestas situações deve pulverizar.
 
Philodendron
Philodendron – Philodendron 
Ela purifica o ar, removendo formaldeído. 
Altamente recomendado em salas pintadas com tapetes.
 
Sanseviera
Sanseviera – Sansevieria trifasciata 
Ela purifica o ar, removendo formaldeído e óxidos de nitrogênio produzidos por aparelhos de queima de combustível.
Recomendado para cozinhas e quartos com fogões a lenha.
 
Eu espatifilo
Spathiphyllum – Spathiphyllum 
Remove mofo do ar.
Adequado para banheiros ou áreas molhadas da casa.
 
Fonte: Bayer Link

Quais tipos de plantas ter no apartamento?

por Thiago H. Arasaki

Você pode ter praticamente qualquer espécie de pequeno porte em seu apartamento, mas as mais indicadas são aquelas que necessitam de pouca luz direta e fácil manutenção.

Use plantas que se adaptam bem a espaços internos, como azaleias, violetas, gérberas, bromélias, samambaias, palmeiras fênix e avencas. Veja a seguir algumas dicas.




Mesmo os apartamentos não tendo jardim, eles podem ser floridos. Espécies que sobrevivem a locais fechados, que não precisam de sol direto, existem e são muito bonitas. Elas precisam de pelo menos 6h de luminosidade durante o dia. Só cuide com o choque térmico e para não colocar as plantas em locais onde tenha ar-condicionado. 
Uma grande dica para quem quer ter violetas em casa é não regar com água da torneira. Isso mesmo, não use água da torneira. As violetas não devem ser regadas com água que possua cloro, ou seja, use água da chuva, opções de água engarrafada vendidas no mercado ou outra fonte que não seja de água usada para nosso consumo tratada com cloro. 
Para molhar as plantas de pequeno porte, utilize um borrifador. As maiores podem receber a água sobre elas. Para saber se a quantidade foi suficiente, observe se a água saiu pelo prato embaixo da planta – se sim, a água já está suficiente. Plantas para espaços fechados não gostam de muita água, como a avenca ou cactos, então cuide da dosagem: duas vezes por semana é suficiente. 
Com mais espaço em casa, você pode optar por plantas como samambaias, que vão desde 1,20m até 2m. Outras opções são o chifre-de-veado, com aproximadamente 1m de altura e um pouco maior, o fícus, que se plantado em um vaso muito grande, com espaço para crescer pode até virar uma árvore. 
Menores, com 60 a 80cm, estão a palmeira fênix, a avenca, que pode funcionar como trepadeira quando tem suporte. 
Plantas ornamentais, como as que dão frutos, também são uma ótima escolha. Agora é só escolher que espécie combina mais com seu apartamento, arranjar um espaço e começar a cuidar do novo membro da família.Fonte:blog.giacomelli.com.br Link

Bambu da Sorte (Dracaena sanderiana)

Paz, saúde e prosperidade
Conhecida popularmente como bambu da sorte ou lucky bamboo, a dracena sanderiana (Dracaena sanderiana), ao contrário do que o nome sugere, não é um bambu e sim um membro da família das Liliáceas, originária das florestas tropicais da África e sudeste da Ásia.
Também conhecido como dracena-fita, o bambu da sorte é um arbusto de textura semi-herbácea que pode atingir até 1,50m de altura. Na natureza, possui caules eretos e finos, de onde surgem as folhas lanceoladas, estreitas e ligeiramente torcidas.
Esta planta tem sido usada com freqüência nas práticas do Feng Shui. Acredita-se que ela tenha uma energia muito favorável, pois simboliza a próspera união entre dois elementos: a água e a madeira. Quando ela é oferecida como presente, costuma receber um laço vermelho, para que a energia do fogo seja adicionada, de forma que juntos, os três elementos, possam atrair a energia positiva (Chi) para um ambiente.
Ainda de acordo com as antigas tradições chinesas, o número de hastes do bambu da sorte que colocamos num ambiente pode ter diferentes significados, sempre ligados à felicidade, prosperidade e longevidade. Assim:
……….2 hastes de bambu da sorte significa sorte; 
……….3 ou 6 hastes simbolizam felicidade; 
…………………………..5 ou 7 hastes atraem saúde; 
…………………………..8 hastes simbolizam prosperidade; 
…………………………..9 hastes atraem boa fortuna; 
………………………….21 hastes simbolizam benção divina.
Em casa, segundo a tradição, dá muita sorte manter três hastes de bambu da sorte, para atrair paz, saúde e prosperidade.
As formas sinuosas, que dão tanto charme a esta planta, são obtidas por meio de um trabalho longo e minucioso, no qual o crescimento do bambu da sorte é conduzido para que adquira o formato em espiral ou torcido. Com o tempo, as hastes vão mudando gradativamente de cor, passando do verde claro para um tom mais escuro. Além disso, os brotos vão surgindo nas hastes, gerando folhas lanceoladas que vão crescendo e conferindo um visual muito bonito ao conjunto. Para manter a estética da planta é possível podar suas raízes de forma moderada, sem que isso prejudique o bambu da sorte.
Como cuidar do seu bambu da sorte
O cultivo do bambu da sorte pode ser feito tanto em recipiente com água (cristais e pedras também podem ser usados) como na terra, desde a umidade seja sempre mantida.
Água é um dos requisitos fundamentais para que o bambu da sorte se desenvolva bem. Se for cultivá-lo apenas em água, o ideal é utilizar água filtrada e livre de cloro, para isso, coloque a água de torneira num recipiente e deixe em repouso por 24 horas antes de usá-la no cultivo da sua planta. É recomendável sempre trocar a água da planta (uma vez por semana), mantendo-a fresca, limpa e à temperatura ambiente. Todos os dias é preciso ficar de olho no nível de água.
Periodicamente, pode-se acrescentar à água um pouco de fertilizante NPK (facilmente encontrado no mercado especializado), seguindo as orientações da embalagem e sem exageros.
A luz é outro fator que contribui para o bom desenvolvimento do bambu da sorte. Em seu ambiente natural, esta planta cresce sob a sombra de outras plantas maiores, que filtram os raios solares, de forma que a luz solar direta lhe é extremamente prejudicial. O ideal é que ela receba bastante luminosidade. Em resumo: devemos colocar o bambu da sorte em um ambiente onde receba luz natural, mas nunca sol direto.
Opções
É possível adquirir o bambu da sorte em vários formatos: com hastes retorcidas (uma verdadeira escultura viva); retas (no estado natural); em forma de “S” (podendo medir até 75 cm) e com hastes em espirais (a forma que exige técnicas mais difíceis para ser obtida).
Na cultura chinesa, é costume presentear alguém com o bambu da sorte para desejar saúde, paz e prosperidade ou para celebrar o “novo” (inaugurações, compra de imóveis, abertura de empresas, etc.), atrair longevidade ou ativar possíveis energias estagnadas nos ambientes, consideradas energias negativas.
Se não for por estes motivos ainda restam bons argumentos para ter um bambu da sorte em casa ou no escritório: a planta é super-resistente, não dá trabalho e resulta num belo efeito    ornamental! Link

Onde encontrar Bambu da Sorte (Lucky Bamboo):Link