Uma flor que apaixona

São encontradas pelo menos cem espécies de tulipas, com feições e cores múltiplas
Tulipas
Embora muitos acreditem que as tulipas procedam da Holanda, elas provêm da Turquia e foram transportadas para o território holandês aproximadamente em 1560, quando Conrad von Gesner, estudioso de botânica, as classificou. A escolha do nome se baseou no termo ‘tulipan’, que tem o significado de ‘turbante‘, nome justificado pela morfologia da flor, que é similar a um tipo de touca usada pelos orientais. Há quem diga, também, que a tulipa veio da China, e posteriormente se disseminou pelas regiões do Cáucaso e da Pérsia.
Há uma estória interessante na Holanda. Dizem que havia uma flor que era incapaz de se fixar em qualquer lugar. Das montanhas no Casaquistão, o bulbo da flor vagueou pela Pérsia, China e Turquia. Até que um cientista holandês levou o bulbo consigo para um pequeno país Europeu. Lá a flor apreciou o clima e o solo, e os habitantes se apaixonaram imediatamente pela flor, tornando-a logo um símbolo nacional. Parece uma estória de conto de fadas, mas essa é a verdadeira estória da tulipa.
Realmente, a tulipa é uma flor que apaixona. Ela pertence à família das liliáceas e dela são encontradas pelo menos cem espécies, com feições e colorações múltiplas. Hoje, além de inúmeros espécimes, existem incalculáveis híbridos em variadas cores e tonalidades.
No Brasil, a cultura desta planta se deve ao empenho do produtor Klaas Schoenmaker, proprietário da fazenda Terra Viva, localizada em Holambra.
Anualmente o cultivo delas se amplia.
Este é realmente um feito, pois este vegetal não se amolda muito bem às temperaturas do Brasil. Mas pode-se estimular a tulipa a produzir pelo menos mais uma leva de flores ao se recriar, no solo brasileiro, o clima de seu recanto natural.
Além disso, a planta deve ser preservada em um canto luminoso e no qual a temperatura permaneça amena, pois vento e sol intenso são adversários das tulipas. Algumas pessoas chegam a depositar gelo sobre a terra contida no vaso, pelo menos duas vezes ao dia, para reduzir o calor.
Uma tulipa dura aproximadamente dez dias. O ideal é que, após a perda do frescor das flores, elas sejam aparadas junto com a folhagem.Link

Nancy Thame

Pesquisadores criam “flores” para armazenamento de energia solar

Alguma vez você já imaginou que poderia encontrar flores condutoras de energia? Saiba que uma nova tecnologia promete grandes inovações no campo da energia sustentável.
Cientistas da Universidade da Carolina do Norte, nos Estados Unidos, criaram em laboratório uma espécie de “flor” semicondutora, feita de sulfeto de germânio (GeS). São denominadas “nanoflores”.
A partir do aquecimento do pó de GeS, até a vaporização, são formadas diversas camadas, que por fim, tomam o formato de uma flor de cravo. A técnica potencializa o material ao proporcionar a absorção de energia solar e torná-la útil.
O GeS é um componente de baixo custo e não tóxico, segundo a pesquisa. E é por esse fator que se busca utilizá-lo em células solares, onde, normalmente, o que acontece é o oposto.
De acordo com o professor Linyou Cao, coautor do artigo sobre o estudo, a grande área de superfície da pétala permitirá aprimorar a capacidade de baterias e de supercapacitores.
Com informações do Ciclo Vivo Link

Datura inoxia


Foto

Solanaceae Datura inoxia
Foto


Foto

Classificação científica
Reino: Plantae
(Unranked): Angiospermas
(Unranked): Eudicots
(Unranked): Asterids
Ordem: Solanales
Família: Solanaceae
Gênero: Estramônio
Espécie: D. inoxia
Nome binomial
Datura inoxia
Datura inoxia é uma  planta que tipicamente atinge uma altura de 0,6 a 1,5 metros. Seus caules e folhas são cobertas com curtas e suaves cabelos, dando toda a planta uma aparência acinzentada. Tem elípticas todo gumes folhas com venação pinada .  Todas as partes da planta emite um odor fétido semelhante ao ranço manteiga de amendoim quando esmagadas ou machucado, embora a maioria das pessoas acham que a fragrância das flores para ser bastante agradável quando florescem em noite.carece de fontes? ]
As flores são brancas , trompete em forma de 12-19 cm (4,75-7,5) de comprimento. Eles primeiro crescer na vertical, e depois incline para baixo. Floresce do início do verão até o outono.
O fruto é um ovo em forma de espinho cápsula , cerca de 5 cm de diâmetro. Ela se abre quando maduro, dispersando as sementes. Outra forma de dispersão é pelo fruto espinhas ser pego na pele dos animais, que depois levam a fruta longe da planta-mãe. As sementes têm hibernação capacidades, e pode durar por anos no solo. As sementes, bem como a totalidade da planta, atuam como delirantes , mas tem uma alta probabilidade de overdose .

Toxicidade

Todas as peças de Datura plantas contêm níveis perigosos de veneno e pode ser fatal se ingerido por seres humanos e outros animais, incluindo gado e animais de estimação. Em alguns lugares é proibido comprar, vender ou cultivar Datura plantas.Wikipedia.org