PARA AQUECER

Naqueles dias de inverno em que o céu está totalmente azul, sem nuvens, não seria ótimo ter espaços como estes, sem obstáculos para o sol, com cobertura de vidro ou até mesmo pérgulas ou jardins internos para podermos nos aquecer?Link

Clique nas imagens, algumas aparecerão ampliadas.

 

Imagens via Pinterest, El Mueble, Ad Russia, House & Garden, !kind Design, Home Designing, Juliana Neves, Luciana Nasajon e Mabel Graham Belle Elle Decor

Lareiras Ecológicas – Aquecendo sua área externa

titulo
Nos países de inverno rigoroso, como na Europa, é comum vermos os ambientes externos sempre ocupados por grupos de amigos e por familiares, seja durante o dia ou a noite. Agora você deve estar se perguntando, como eles conseguem estar fora de suas casas com todo o frio que faz por lá? É simples, eles usam e abusam de todos os tipos de lareiras, toucheiros e aquecedores a gás, dentre outras técnicas de aquecimento, em seus projetos de Design de Exteriores.
O brasileiro aos poucos está incorporando estes produtos em seus projetos de paisagismo e arquitetura exterior, tanto que hoje em dia podemos observar o crescimento de áreas externas bem iluminadas e aquecidas que tem servido como ponto de encontro para famílias e amigos mesmo durante o inverno.
titulo
Na área externa de algumas residências, a lareira ainda prevalece como foco central exatamente por deixar o ambiente mais aconhegante e convidativo. Nestas circunstâncias as pessoas concentram-se em seu redor para conversar ou realizar outras atividades de uma forma mais intimista, desfrutando do calor acolhedor que a luz de uma lareira proporciona.
Além de contar com um elemento decorativo a mais no ambiente, quem opta por uma lareira está atrás de um aquecimento eficiente e sem risco de fumaça. Visando o bem estar e a sofisticação de sua área externa.
TIPOS DE LAREIRAS
Lareiras elétricas
Como o principio de funcionamento é o mesmo das estufas, a lareira elétrica tira a umidade do ambiente. Então, é indicado deixar um recipiente com água no local. Aproveite para complementar a decoração com um vaso de água que combine com os elementos da sala.
Lareiras à Lenha
As clássicas lareiras à lenha preservam o cheiro de pinho, os estalos da madeira queimando e a cor natural do fogo. Elas podem ser feitas de alvenaria ou de metal. Existe as opções de comprá-la prontas ou mandar fazer sob medida embutida na parede.
Lareira Ecológica
Feita em recipientes de aço inoxidável, a chama da lareira ecológica se mantém acesa através do biofluido à base de etanol. A substância foi desenvolvida especialmente para este fim e sua combustão não produz fumaça nem cheiro. A quantidade de fluido da utilização é indicada conforme o tamanho do modelo escolhido.
Salamandras
Para ambientes internos e externos, existem salamadras de diversos estilos. Do vintage ao contemporâneo, passando pelo rústico. Os modelos são feitos em chapa de aço ou ferro fundido, e podem receber acabamentos em cerâmica e revestimento interior de tijolo refratário. A diferença do material reflete na durabilidade. O combustível usado nas salamandras pode ser de três tipos: lenha, carvão ou pelets.

Lareiras Portáteis
Podem ser levadas para diferentes ambientes de acordo com a vontade. Feita com resina poliéster, fibra de vidro e poliuretano.
titulo
Lareiras a gás
São lareiras específicas para combustão a gás GLP. Podem ser em alvenaria ou chapa de aço e não necessitam de chaminés como as à lenha. Ideais para apartamentos e residências, onde seus usuários querem praticidade e conforto, sem abrir mão de beleza do fogo.
São modernas, seguras com diversas opções, inclusive com acendimento automático e regulagem de temperatura por controle remoto. Link
titulo

Conheça as flores resistentes ao frio

ESPÉCIES COMO VIOLETA E GIRASSOL SENTEM MENOS O IMPACTO DAS BAIXAS TEMPERATURAS.

POR BRUNA BESS

Na temporada de inverno a maioria das plantas sofre com o impacto das baixas temperaturas. Porém, algumas espécies, como a violeta e o girassol, são mais adaptadas e sentem menos o impacto do frio. Mesmo assim, alguns cuidados precisam ser tomados .Segundo Marcos Brancher, paisagista da MbFlores, o ideal é diminuir a quantidade de água das regas em um terço. “No frio as plantas também precisam ser regadas, mas colocar água em excesso pode resfriá-las e trazer fungos”, diz. Link

Gipsofila (Gypsophila paniculata). Foto: Thinkstock Photo

Flor-de-maio (Schlumbergera truncata). Foto: Flickr / blumenbiene
O crisântemo deve ser mantido em local arejado, sem exposição direta ao sol. Foto: Divulgação Rancho Raízes
Tulipas são resistentes e florescem nas épocas de frio. Foto: Divulgação
Violeta-pendente (Achimenes grandiflora). Foto: Flickr / scott.zona
Gérbera.(Gerbera jamesonii). Foto: Eduardo Cesar – Fotoarena
As gardênias florescem nos meses mais frios do ano. Foto: Divulgação

Conheça as flores resistentes ao frio

Espécies como violeta e girassol sentem menos o impacto das baixas temperaturas.

Por Bruna Bess


Na temporada de inverno a maioria das plantas sofre com o impacto das baixas temperaturas. Porém, algumas espécies, como a violeta e o girassol, são mais adaptadas e sentem menos o impacto do frio. Mesmo assim, alguns cuidados precisam ser tomados .Segundo Marcos Brancher, paisagista da MbFlores, o ideal é diminuir a quantidade de água das regas em um terço. “No frio as plantas também precisam ser regadas, mas colocar água em excesso pode resfriá-las e trazer fungos”, diz. Link












Gipsofila (Gypsophila paniculata). Foto: Thinkstock Photo

Flor-de-maio (Schlumbergera truncata). Foto: Flickr / blumenbiene
O crisântemo deve ser mantido em local arejado, sem exposição direta ao sol. Foto: Divulgação Rancho Raízes
Tulipas são resistentes e florescem nas épocas de frio. Foto: Divulgação
Violeta-pendente (Achimenes grandiflora). Foto: Flickr / scott.zona
Gérbera.(Gerbera jamesonii). Foto: Eduardo Cesar – Fotoarena
As gardênias florescem nos meses mais frios do ano. Foto: Divulgação