Com formato de PALMEIRA, arranha-céu pode ser erguido sobre o oceano

Organizado desde 2006 pela revista norte-americana eVolo, o concurso Skyscraper Competition é referência entre os fãs da arquitetura de arranha-céus e, recentemente, revelou os ganhadores da edição de 2013.

Entre as menções honrosas, um dos destaques é o utópico edifício New Atlantis, uma verdadeira cidade vertical desenhada pelo arquiteto Adam Dayem.

Trata-se de uma proposta de habitação para os moradores da ilha I-Kiribati, no Pacífico Sul., que se recusaram a evacuar o local, apesar de seu território estar em processo de desaparecimento.

A proposta poderia ser erguida sobre o próprio oceano, com as fundações ancoradas a mais de 30 metros de profundidade no solo.

A volumetria do edifício-cidade assemelha-se a uma palmeira. O projeto prevê autossuficiência de usos e inclui, entre os diferentes usos, uma fazenda vertical, áreas de beneficiamento, lojas, hospital, escola, além de habitação e comércio.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s